Nível Superior - Cargo: Analista Judiciário - Enfermeiro - Orgão: TRT 9ª - Banca: FCC - Ano: 2010

Um enfermeiro, com convicção religiosa contrária à transfusão de sangue, em seus plantões noturnos, procura evitar ao máximo que as prescrições de transfusão sanguínea sejam executadas, independentemente do consentimento dos pacientes e de seus familiares. De acordo com as considerações de Gelain, o ato do enfermeiro
  • a) tem respaldo ético, pois o profissional deve decidir, de acordo com a sua consciência, sobre a sua participação ou não na hemoterapia.
  • b) é considerado aceitável desde que a indicação da hemoterapia não seja emergencial.
  • c) tem respaldo ético legal, se o procedimento foi aprovado, anteriormente, por documento expedido pelo COREN da jurisdição do enfermeiro e por autorização judicial.
  • d) é considerado incorreto porque o profissional não pode impor aos outros sua maneira de pensar, principalmente quando houver risco de morte.
  • e) é considerado aceitável porque as convicções religiosas dos profissionais devem ser respeitadas.

Comentários da Questão (1)

Guto Sousa
Guto Sousa Criado em 20/01/2014, 19:44h

Ivo Guelain é um autor que discorre sobre Ética em Enfermagem. E Segundo decreto 211 de 2007 (ele dá um up! na Lei 7.498 de 86) lá no artigo 17 tem - se:

Art. 17 Prestar adequadas informações à pessoa,
família e coletividade a respeito dos direitos,
riscos, benefícios e intercorrências acerca
da assistência de enfermagem.


Acompanhe o Enfermagem e Saúde