Questões de Urgência e Emergência - Terapia Intensiva

Nível Superior - Cargo: Enfermeiro - Órgão: UNILAB/UFC - Banca: CCV/UFC - Ano: 2011

Um paciente está internado em uma unidade clínica hospitalar, apresentando sede, mucosa pegajosa, contratura muscular, náuseas, vômitos, taquisfigmia, aumento da pressão arterial. Ao realizar exames laboratoriais, constataram-se aumento do sódio sérico, redução do sódio urinário e aumento da osmolaridade e densidade específica da urina. Essas manifestações clínicas e achados laboratoriais são característicos de:


 

  • a) hipernatremia.
  • b) hiponatremia.
  • c) hipervolemia.
  • d) hipocalcemia.
  • e) hipocalemia.

Nível Superior - Cargo: Enfermeiro - Órgão: UNILAB/UFC - Banca: CCV/UFC - Ano: 201

Dentre as ações do enfermeiro nos exames complementares, pode-se citar a realização da gasometria arterial, pois a Resolução COFEN Nº 390/2011 normatiza a execução, pelo enfermeiro, da punção arterial tanto para fins de gasometria como para monitorização de pressão arterial invasiva. Para tanto, é necessário que o enfermeiro avalie a circulação colateral antes de proceder à punção da artéria radial.   Essa avaliação é realizada com a obliteração tanto do pulso radial quanto do ulnar para levar à palidez da mão. A seguir, libera a pressão apenas da artéria ulnar, devendo o fluxo da artéria ulnar ser adequado e   imediatamente retornar o rubor da mão. Assim, o teste é positivo, podendo ser utilizada a artéria radial  para punção. O nome desse teste é:

 

  • a) Teste Radial.
  • b) Teste Ulnar.
  • c) Teste de Allen.
  • d) Teste de Protrombina.
  • e) Teste de Tromboplastina.

Nível Superior - Cargo: Enfermeiro - Órgão: UNILAB/UFC - Banca: CCV/UFC - Ano: 2011

Na assistência de enfermagem ao paciente em situação de urgência e emergência, o enfermeiro deve realizar a avaliação neurológica, utilizando a Escala de Glasgow. Acerca dessa escala, é correto afirmar:

 

  • a) serve para avaliar os movimentos músculo-esquelético do paciente.
  • b) são utilizados estímulos verbais, dolorosos e hídricos para avaliação.
  • c) sua pontuação varia de 0 a 15, sendo grave de 0 a 5, moderado e 6 a 10 e leve de 11 a 15.
  • d) avalia o estado neurológico do paciente, considerando a abertura ocular, resposta motora e resposta verbal.
  • e) avalia o estado neurológico do paciente, considerando a abertura ocular, resposta do MMSS e resposta não verbal.

Nível Superior - Cargo: Enfermeiro - Órgão: Prefeitura de Beberibe/CE - Banca: CCV/UFC - Ano: 2012

O Manual de Primeiros Socorros, elaborado pelo Ministério da Saúde e FIOCRUZ em 2003, define primeiros socorros como sendo os cuidados imediatos que devem ser prestados rapidamente a uma pessoa, vítima de acidentes ou de mal súbito, cujo estado físico põe em perigo a sua vida, com o fim de manter as funções vitais e evitar o agravamento de suas condições, aplicando medidas e procedimentos até a chegada de assistência qualificada. Para tanto, o enfermeiro atuante em uma empresa poderá realizar uma avaliação primária por meio do ABCD da vida, no qual essa letras correspondem a:

 

  • a) A – Vias aéreas, B – Respiração, C – Circulação, D – Alterações neurológicas/Incapacidade.
  • b) A – Alterações neurológicas/Incapacidade, B – Circulação, C – Respiração, D – Vias aéreas.
  • c) A – Alterações neurológicas/Incapacidade, B – Respiração, C – Circulação, D – Vias aéreas.
  • d) A – Respiração, B – Circulação, C – Alterações neurológicas/Incapacidade, D – Vias aéreas.
  • e) A – Vias aéreas, B – Circulação, C – Respiração, D – Alterações neurológicas/Incapacidade.

Nível Superior - Cargo: Enfermeiro - Órgão: Prefeitura de Beberibe/CE - Banca: CCV/UFC - Ano: 2012

O choque é um estado em que há perda do volume sanguíneo circulante, efetivo, resultando em perfusão inadequada de órgãos e tecidos causando, em última análise distúrbios metabólicos celulares. Você como enfermeiro da  emergência, recebe um paciente vítima de acidente automobilístico referindo: perda de sensibilidade dos membros inferiores e confirmado com os exames. Encontrou ainda ao exame: insuficiência da resistência arterial, perfusão tissular alterada ligada à circulação insuficiente e queda da pressão arterial, são possíveis diagnósticos associados ao choque:  


 

  • a) Séptico.
  • b) Anafilático.
  • c) Neurogênico.
  • d) Cardiogênico.
  • e) Hipovolêmico.

Acompanhe o Enfermagem e Saúde