Questões de Saúde Pública - Saúde da Família

Nível Superior - Cargo: Enfermeiro ESF - Órgão: - Banca: - Ano: 2020

Em relação às funções da Atenção Básica nas Redes de Atenção à Saúde, a Atenção Básica deve:

I. Coordenar o cuidado, organizando as necessidades de saúde da população em relação aos outros pontos de atenção da rede.

II. Evitar a formação de vínculos positivos, visando sempre desenvolver a independência dos indivíduos.

III. Desenvolver uma atenção integral que impacte positivamente na situação de saúde das coletividades.

Está(ão) CORRETO(S):

  • a) Somente o item I.
  • b) Somente o item II.
  • c) Somente os itens I e III.
  • d) Todos os itens.

Nível Superior - Cargo: Enfermeiro ESF - Órgão: - Banca: - Ano: 2020

No que ser refere a coleta de dados feita durante consulta de enfermagem destinada ao portador de doença de Chagas, assinale a alternativa incorreta.

  • a) O exame físico deve buscar identificar sinais de porta de entrada próprios da transmissão vetorial, como o sinal de Romaña, que é um edema bipalpebral unilateral por reação inflamatória à penetração do parasito na conjuntiva e adjacências.
  • b) Uma das formas de transmissão investigada ocorre por via oral. Nesses casos, deve ser observado se há sangramentos digestivos como hematêmese, hematoquezia ou melena.
  • c) Deve-se verificar se o paciente é imunodeprimido, portador de leucemia, usuário de drogas imunodepressoras ou coinfectado pelo vírus da imunodeficiência humana adquirida, pois este relata maior tolerância à doença de Chagas.
  • d) Durante o exame, deve-se estar atento às indicações da fase aguda da doença, na qual o paciente pode apresentar sintomas leves como febre, mal-estar, edema em um dos olhos e fadiga.

Nível Superior - Cargo: Enfermeiro ESF - Órgão: - Banca: - Ano: 2020

Considere que uma senhora de 45 anos de idade procurou a equipe de saúde da família (ESF) apresentando queixas de parestesia e dores nos membros inferiores, que há aproximadamente um mês prejudicam as suas atividades diárias, acometendo mais o membro inferior esquerdo (MIE). Há uma semana, a senhora vem apresentando dificuldades importantes de locomoção, tendo que se apoiar nas paredes. Ela tem como antecedentes o tabagismo desde a adolescência e o etilismo, abandonado há dois anos. Apresenta-se consciente, orientada, emagrecida e com edema em membros inferiores; sinal de Romberg positivo, marcha escarvante. Apresentou também hiporreflexia esquerda com força muscular preservada. Acerca da sintomatologia apresentada por essa paciente, assinale a alternativa correta.

  • a) O teste de Romberg é utilizado para a avaliação da propriocepção, e como neste caso, o resultado foi positivo, considera-se que a paciente perdeu a estabilidade quando posicionada de pé, com os pés juntos e corre risco de balançar e cair.
  • b) A descrição da marcha apresentada pela paciente pode ser feita da seguinte maneira: os movimentos passam a ser incertos, inseguros e descoordenados, necessitando de apoio para caminhar.
  • c) Os reflexos da paciente estão exacerbados, gerando respostas rápidas aos estímulos táteis e dolorosos.
  • d) A parestesia apresentada pela paciente constitui diminuição de tônus e provoca flacidez dos membros, que tem tendência a apresentar flexões e extensões anormais quando movimentados.

Nível Superior - Cargo: Enfermeiro ESF - Órgão: - Banca: - Ano: 2020

O surto ativo de sarampo em Minas Gerais vem deixando cada vez mais pessoas doentes (SES-MG, 2019). Tratase de uma doença viral aguda, transmissível, que ocorre com maior frequência na infância. Em relação a esse assunto, assinale a alternativa correta.

  • a) A transmissão ocorre principalmente por meio do contato direto com a pele de pacientes contaminados.
  • b) É indicado tratamento profilático com antivirais, com o objetivo de reduzir o número de casos graves.
  • c) Constitui uma das principais causas de morbimortalidade em crianças maiores de dez anos de idade.
  • d) Os sintomas se manifestam entre dez e 14 dias após a exposição ao vírus e incluem coriza, tosse, conjuntivite, erupção cutânea e febre alta.

Nível Superior - Cargo: Enfermeiro ESF - Órgão: - Banca: - Ano: 2020

A malária é uma doença infecciosa febril aguda, causada por:

  • a) parasitas do gênero Plasmodium.
  • b) fêmeas do mosquito Anopheles.
  • c) fêmeas do mosquito Aedes Aegypti.
  • d) vírus do gênero Flavivírus.

Acompanhe o Enfermagem e Saúde