Avatar_medium_m

guilherme vitral guimaraes


Publicações

  • Comentários: 3

Últimas


Comentários em Questões de Concurso

  • Questão nº 2393 Nível Superior - Cargo: Enfermeiro - Orgão: Prefeitura de Nhandeara/RJ - Banca: CONRIO

    O diagnóstico precoce da nefropatia diabética é realizado por meio de exame de urina, chamado microalbuminúria. Já nas fases mais avançadas da doença, pode-se identificar elevação nos níveis sanguíneos de creatinina e ureia, bem como a presença de proteína na urina

  • Questão nº 3188 Nível Médio - Cargo: Técnico de Enfermagem - Orgão: - Banca: AOCP

    A urocultura, também chamada de cultura de urina ou urinocultura, serve para diagnosticar a infecção urinária, detectando qual a bactéria envolvida e o número de colônias existentes. Normalmente, para os resultados serem mais exatos, orienta-se coletar a primeira urina da manhã, no entanto, o exame pode ser feito durante o dia. O recipiente onde se coloca a urina deve ser estéril e pode ser comprado na farmácia, mas ele também pode ser fornecido pelo laboratório ou hospital onde será feito o exame e, de preferência, deve ser rapidamente fechado e levado rapidamente para a análise do laboratório, para evitar contaminações. O exame de urocultura com antibiograma fornece ainda os nomes dos antibióticos que são sensíveis ou resistentes à bactéria, ajudando o médico a prescrever o melhor remédio. Este exame também pode ser chamado de exame de urocultura O que é Urocultura e para que serve Como é feito o exame Para coletar o exame de urocultura, é necessário realizar um preparo, que inclui: Lavar a região íntima com água e sabão; Afastar os lábios da vagina, na mulher, e retrair o prepúcio, no homem; Rejeitar o primeiro jato de urina; Coletar a restante urina para o recipiente próprio. A urina pode ficar até 2 horas em temperatura ambiente, no entanto, o recipiente deve ser logo entregue no laboratório para os resultados serem mais fiáveis. Não é necessário estar em jejum para fazer o exame. Outra forma de coletar o exame de urocultura pode ser com o uso de sonda, também chamado de cateterismo uretral, como forma de garantir uma coleta mais livre de contaminações possível. Além disso, o médico também poderá indicar uma punção diretamente na bexiga, através da pele, o que pode ser necessário para bebês ou crianças, nos quais é difícil coletar amostra de urina, ou para pessoas com a imunidade muito debilitada, pois inserir uma sonda pode aumentar as chances de introduzir novos microorganismos na bexiga da pessoa

  • Questão nº 3190 Nível Superior - Cargo: Enfermeiro Hospitalar - Orgão: - Banca: AOCP

    nao seria divido por 2 nao? PAS+PAD/2 ?

Acompanhe o Enfermagem e Saúde