Coren-PI realiza série de fiscalizações no estado

Publicado por: - há 3 meses

O Conselho Regional de Enfermagem do Piauí (Coren-PI) está realizando uma série de fiscalizações em instituições de Saúde de todo o estado. O objetivo é verificar a qualidade da prestação dos serviços de Enfermagem em todos os pontos normativos do exercício da profissão.

As inspeções realizadas pelo departamento de fiscalização do Coren-PI começaram em janeiro e deve acontecer até o final do ano. A meta é que ocorram 650 inspeções nas unidades de Saúde do estado, podendo haver uma nova fiscalização em unidades já inspecionadas. Até o momento, instituições de Saúde das cidades de Brasileira, Capitão de Campos, Cocal de Telha, Domingos Mourão, Lagoa de São Francisco, Milton Brandão, Pedro II e Piripiri, já receberam visita da equipe de fiscalização.

Segundo o coordenador do Departamento de Fiscalização, Arthur Antunes, esta é uma forma do conselho averiguar a qualidade dos serviços prestados. “Temos um planejamento de inspeção previamente estabelecido. De acordo com o que for constatado é que tomaremos as devidas providências. As inspeções ocorrem desde janeiro e algumas unidades já visitadas foram autuadas”, explicou.

Além da fiscalização, as equipes realizam o monitoramento e o acompanhamento das soluções exigidas pelo conselho. A previsão para o retorno às instituições é para o segundo semestre de 2019, para certificar se as irregularidades ainda persistem nas unidades.

As ilegalidades mais comuns são inexistência de enfermeiro, falta da sistematização da assistência de Enfermagem e do cálculo de dimensionamento.

Segundo a presidente do Coren-PI, Tatiana Melo, as fiscalizações de rotina já existiam no conselho, mas esse ano um novo formato foi adotado, além das visitas de rotina para inspeção, haverá ainda as visitas de retorno. “Optamos por um novo formato, agora toda fiscalização terá abertura de um processo administrativo. Antes, muitos processos ficavam abertos e não tinham retorno para acompanhar o cumprimento das exigências do Coren”, afirmou.





Fonte: Coren-PI

TAGS: cofen

Comentários (0)

Acompanhe o Enfermagem e Saúde