Você é a favor da reforma psiquiátrica?

Você é a favor da reforma psiquiátrica?

Avatar_short_m Bruna Rocha em 24/02/2011 17:02:49
TAGS: Psiquiatria

4 Resposta(s):

Renata Lima
Renata Lima Criado em 25/02/2011, 15:13h

SOU a favor da reforma psiquiátrica, não acho que instiucionalizando de uma forma centralizada e privada irá melhorar o paciente doente mental. A meu ver só irá complicar estes pacientes.


Tatiana de Sá
Tatiana de Sá Criado em 25/02/2011, 16:17h

Ah, não sou totalmente a favor não, pelo menos na minha cidade os outros serviços terapêuticos que são usados não tem estrutura o suficiente para cuidar/tratar os doentes mentais. Acho muito sofredor a forma que estes pecientes são tratados em todos os seviços psiquiátricos, mas mesmo assim acho q o hospital psiquiátrico deve continuar por que alguns pacientes não podem ser colocados ou como eles dizem socializados. Na minha cidade não tem manicômio judiciário, então na minha opinião o hospital psiquiátrico é a solução.


Arielle Costa
Arielle Costa Criado em 28/02/2011, 15:56h

Eu sou a favor da reforma psiquiátrica. Os doentes mentais merecem que a sociedade aceitem eles como são. Eles precisam de apoio e tratamento específico.


karla toledo
karla toledo Criado em 01/03/2011, 10:11h

Não sou a favor da reforma psiquiatrica da forma que foi implantada, creio que a falta de preparodo familiar para com o cuidado do paciente mental seja mais prejudicial que alentador.

Alguns pacientes ao meu ver necessitam sim de institucionalização, são instáveis e algumas vezes violentos, não reconhecem ou tem sentimentos relacionados aos seus parentes (nem mesmo aos mais próximos) e mantê-los na sociedade ou familia acarreta riscos desnecessários.

Da forma que foi feita, a reforma parece uma imposição cruel, do tipo : Voçê pariu/criou este ser, agora arca com as consequências/responsabilidade do seu erro. Como se houve-se uma culpa incultida no ato de por no mundo um ser diferente.

Não creio que a institucionalização seja para todos, mas também não é para nenhum, cada caso é um caso e deve ser analisado por uma equipe e só depois , com racionalidade e humanismo deveria ser tomada alguma decisão.

Sabemos que sai muito caro institucionalizar um paciente psiquiátrico e com certeza este fato influenciou a decisão do governo neste sentido uma vez que a grande maioria das clinicas era publica, com gastos altissimos e pouca funcionalidade, na realidade eram depósitos de "loucos" com orçamento superfaturados.

As palavras mágicas aqui são:planejar,reimplantar,avaliar,rever e modificar.


Acompanhe o Enfermagem e Saúde